top of page

GESTÃO DO TURISMO FLUMINENSE GANHA ESPAÇO EM VOLTA REDONDA

Município é o único polo de aulas presenciais da região, numa parceria entre a Secretaria Estadual de Turismo do Rio de Janeiro e o TCE Foto: Divulgação-Secom-PMVR O programa de Gestão do Turismo Fluminense teve início no município, na quinta-feira (17/10). A capacitação tem o objetivo de apresentar conteúdos que auxiliem os municípios no planejamento do turismo. O curso, que é uma parceria entre a Secretaria Estadual de Turismo do Rio de Janeiro e o Tribunal de Contas do Estado (TCE), e com a colaboração de universidades públicas, contará com quatro polos, sendo Volta Redonda o único da região Sul fluminense. Para o prefeito Elderson da Silva, o Samuca (PSDB), a cidade tem um grande potencial turístico. “Volta Redonda tem a tradição do turismo de negócios e os visitantes podem, além disso, ficar na cidade, aproveitar nossos atrativos e os de outros municípios vizinhos. A cidade tem uma localização que permite essa integração e valorizar o potencial do município é uma maneira de movimentar a economia”, comentou o prefeito. O Programa é inteiramente gratuito e conta com a participação de 218 servidores, dentre eles secretários e servidores municipais e estaduais de turismo e representantes dos conselhos municipais de turismo, tendo sido o I Seminário de Articulação Institucional do Turismo Fluminense o ponto de partida para a iniciativa. A diretora de Turismo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Débora Cândido, contou que é importante levar o conhecimento sobre turismo para os servidores que não são da área. “O estudo do turismo é importante para uma melhor compreensão de sua dinâmica, permitindo realizar uma atividade planejada que produz benefícios mais duradouros”, disse. Os cursos do Programa serão ministrados presencialmente nos Polos da Escola de Contas e Gestão (ECG), nos municípios do Rio de Janeiro, Campos dos Goytacazes, Macaé, Volta Redonda e Teresópolis. Além das aulas presenciais, os discentes também terão suporte na modalidade Ensino a Distância (EAD), por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) da ECG. Ao final do Programa, os municípios participantes deverão entregar o Plano Integrado de Desenvolvimento do Turismo Local, apresentando propostas de ação que visem o aperfeiçoamento e o desenvolvimento do turismo fluminense. Esta ação irá gerar um selo que certificará os municípios que ainda concorrerão a uma premiação com os melhores projetos desenvolvidos durante o curso.

GESTÃO DO TURISMO FLUMINENSE GANHA ESPAÇO EM VOLTA REDONDA

Município é o único polo de aulas presenciais da região, numa parceria entre a Secretaria Estadual de Turismo do Rio de Janeiro e o TCE...

bottom of page