top of page

ROSANA BERGONE CONSEGUE DERRUBADA DE VETOS A PROJETOS

Parlamentar propõe a criação da Coordenadoria da Igualdade Racial e incentivos para atletas

Foto: Gazeta dos Bairros

Os vereadores da Câmara Municipal de Volta Redonda derrubaram os vetos do prefeito a dois Projetos de Lei (PL) da vereadora Rosana Bergone (PRTB, na noite desta terça-feira (25/08). Um dos projetos intitulado Bolsa Atleta vai apoiar e motivar esportistas da cidade e o outro criará uma Coordenadoria Municipal da Igualdade Racial. As duas Leis entrarão em vigor, assim que forem publicadas no órgão oficial do município, o Volta Redonda em Destaque.

“Os dois projetos têm grande alcance social e são leis autorizativas. Serão oferecidas oportunidades para os atletas com incentivos financeiros inéditos na cidade. Já a Coordenadoria contribuirá para combate ao racismo e contemplará também indígenas e ciganos”, explica a vereadora, grata ao apoio recebido dos vereadores na derrubada do veto.

Ainda segundo Bergone, a Coordenadoria poderá firmar parcerias e convênios com Governo Federal junto a Secretaria Nacional de Promoção e Igualdade Racial para execução de projetos. “Com esta iniciativa, vamos promover o trabalho do Movimento Negro, que me ajudou a elaborar esta Lei e os membros do Memorial Zumbi, que poderão receber recursos federais para investir em projetos. Não tenho dúvidas, que os negros, com esta lei, terão mais possibilidades no mercado de trabalho, ganharão mais visibilidade e diminuiremos o preconceito e o racismo”, salienta.

Rosana ainda relembra que os negros foram escravizados por mais de 300 anos e privados de direitos básicos no Brasil. “Vivemos em uma cidade com pessoas de diferentes cores e raças. A cor da pele não pode diferenciar uns dos outros. Mas, como isso, infelizmente, acontece, preciso atuar para corrigir essa questão com a força de lei. Como negra, me sinto no dever de ajudar a esta grande parcela da nossa população”, espera a vereadora.

BOLSA - Já o Programa Bolsa Atleta vai promover projetos esportivos com a intenção de valorizar e beneficiar os atletas amadores do município, com idade entre 10 e 45 anos. O participante receberá, de acordo com a lei, uma verba mensal para incentivar a sua participação. O Programa, de acordo com a lei, poderá firmar parcerias com empresas para custear as atividades de esporte.

O Bolsa Atleta terá a coordenação pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer e da Secretaria Municipal de Fazenda, que concederá descontos em tributos municipais para os apoiadores. “Como incentivadora do esporte, tenho certeza que ele será bem aceito por todos e, vamos ter agora uma grande revolução no esporte da nossa cidade. Será uma Lei incentivadora para o atleta”, deseja Bergone.

Anúncio Geleias.jpg

Postagens Recentes

® Copyright
bottom of page