top of page

GOVERNO PEDE A VEREADORES R$ 80 MILHÕES EM EMPRÉSTIMO PARA AÇÕES DE INFRAESTRUTURA

Samuca foi à Câmara Municipal protocolar Mensagem solicitando autorização do Legislativo

Foto: Matheus Gusmão/Secom-PMVR

O prefeito Elderson da Silva, o Samuca (PSDB), entregou nesta terça-feira (20/08) ao presidente da Câmara Municipal de Volta Redonda, vereador Edson Quinto (PR), uma mensagem solicitando ao Legislativo autorização para assinar convênio com a Caixa Econômica Federal. O objetivo é o de obter empréstimo financeiro no valor de R$ 80 milhões que serão destinados em ações de infraestrutura na cidade.

Participaram do encontro além do presidente, os vereadores Paulo Conrado (PRTB), que é o líder da bancada governista; Francisco Novaes (PP), José Augusto (PDT), Laydson Cruz (MDB), Fábio Buchecha (PTB), Isaac Bernardo (Patriota), Washington Uchôa (PRB), Rodrigo Furtado (PTC), José Martins, o 'Tigrão' e Luciano de Souza, o 'Mineirinho'. Outros 10 parlamentares não compareceram ao Salão Nobre, onde a reunião foi realizada, no final da tarde de terça-feira.

No encontro, o prefeito afirmou ter conseguido negociar com o banco federal a liberação para assinar o convênio, através do Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa) e dos projetos Avançar Cidades e Pró-Cidades. Os recursos, segundo Samuca explicou aos parlamentares, serão usados para recapeamento asfáltico, troca de lâmpadas da cidade por lâmpadas LED (diodo emissor de luz - sigla LED, em inglês: light-emitting diode) com postes com Wi-Fi e recursos para reforma de campos de grama sintética, calçadas e pontos de ônibus.

Segundo Samuca, este momento de crise financeira, com grande grau de endividamento, faz com que sobre poucos recursos existam para investimentos na cidade.

“Esse convênio é uma das formas de a gente investir na cidade sem comprometer a saúde financeira do município, com um convênio saudável financeiramente para o município. Vamos conseguir realizar recapeamento asfáltico, uma demanda da população, além da melhorar a iluminação da cidade”, destacou Samuca.

O prefeito lembrou que o município conta com dívidas da ordem de R$ 1,7 bilhão, o que inviabiliza grandes investimentos.

“Somente em 2019, vamos pagar quase R$ 75 milhões em dívidas, valores que não nos permitem investir em setores importantes da cidade, conforme é o anseio da população. Por isso importante esse convênio, que vai dar outra cara para a cidade”, comentou.

Para o convênio ser concretizado, a prefeitura precisa de autorização da Câmara de Vereadores para aprovar o convênio com a Caixa Econômica Federal.

Foto: Gazeta dos Bairros

O presidente da Câmara, Edson Quinto, agradeceu a presença do prefeito e elogiou o diálogo. Ele pediu ao prefeito Samuca que agendasse uma nova visita ao Legislativo, mas dessa vez, em Plenário, para fazer a defesa da proposta e explicar aos 21 parlamentares e ao público presente as razões para que a proposta seja aprovada.

“Isso é mais uma mostra de diálogo. O prefeito, vindo ao Legislativo, é muito bom, conseguimos sanar as dúvidas sobre o projeto”, disse o presidente.


Anúncio Geleias.jpg

Postagens Recentes

® Copyright
bottom of page