top of page

'ABRAÇO NA LAGOA' REÚNE MORADORES E VEREADORES

Manifestação demonstra descontentamento com obras de terraplanagem, embargadas parcialmente pelo Inea

Fotos: Reprodução Facebook

Cerca de 300 pessoas entre moradores dos bairros do entorno do Jardim Belvedere, liderados pelos vereadores Carlinhos Sant'Anna (SD), Jari Oliveira, Nilton Alves de Faria, o Neném (ambos do PSB) e Paulo Cesar Lima da Silva, o Paulinho do Raio-X (MDB), além da ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Volta Redonda (OAB-VR), Rosa Fonseca, promoveram um 'abraço' simbólico na Rodovia dos Metalúrgicos, paralisando em duas oportunidades o trânsito na localidade. A manifestação, com direito a utilização de nariz de palhaço e apitos, aconteceu na manhã deste sábado (29/06) e teve como objetivo demonstrar o descontentamento com as obras de terraplanagem, embargadas parcialmente pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), de um condomínio particular, e que acontecem naquela região, provocando aterramento de lagos e fontes naturais de água, o que os manifestantes denominaram como sendo "crime ambiental".

De acordo com o vereador Paulino do Raio-X, a manifestação não atendeu as expectativas, pelo reduzido número de pessoas engajadas na defesa da causa, mas foi considerada satisfatória. "Os moradores de diversos bairros de Volta Redonda sabem da importância dessa causa e da recuperação ambiental desta localidade. Muito foi destruído com essas obras criminosas e, por isso, estamos aqui para manifestar todo nosso descontentamento e alertando as autoridades para que tomem providências imediatas contra essa destruição", afirmou o parlamentar.

Paulinho do Raio-X foi um dos primeiros moradores da localidade a se manifestar publicamente sobre o acontecido, levando o descontentamento dos moradores do jardim Belvedere e região, para ser discutida na Câmara Municipal. Desde o início dessas ações destruidoras, vislumbrávamos que algo de errado estava sendo feito, sob os olhos inertes das autoridades ambientais. Agora, cabe a todos nós, em comunidade, exigir reparação e recuperação dessas áreas afetadas, inclusive da lagoa que foi aterrada, contou o parlamentar.

Foto: Reprodução/Google Maps

Uma moradora do Belvedere, que não teve o nome revelado, reclamou das condições precárias pelas quais os moradores da localidade estariam passando. "Nosso acesso ao hospital da Unimed e à escola no bairro Vila Rica estão visivelmente prejudicados. Inclusive, o semáforo não funciona, as ruas estão esburacadas, o trânsito complicado, e nossas vidas estão prejudicadas", disse ela.


Anúncio Geleias.jpg

Postagens Recentes

® Copyright
bottom of page