top of page

DISPUTA POR 'DNA DE OBRA' VEM SENDO TRAVADA NO SANTA CRUZ II


André Luiz garante que obra partiu de solicitação da comunidade diretamente para OP 2018

A busca da garantia sobre a responsabilidade pela 'paternidade' e responsabilidade pela solicitação da obra que resultou na Praça da Torre, no bairro Santa Cruz II, está cada vez mais acirrada. A disputa tem sido acompanhada nas redes sociais pela comunidade e envolvem os nomes do presidente da Associação de Moradores e Amigos do Bairro Santa Cruz II, André Luiz, e o vereador Vair Duré (Progressistas).

De acordo com o líder comunitário, o local estava servindo de área para descarte de entulho, e houve consenso entre os moradores sobre a importância da recuperação do local. "Chegamos à decisão de limpar o local, e nós da associação, apresentamos a solicitação para construção da praça ao Fundo Comunitário de Volta Redonda (Furban)", explica André.

Ele contou ainda que, antes disso, uma reunião com a comunidade foi realizada no dia 18 de maio de 2017, na sede da associação. "Naquela oportunidade, elaboramos um documento assinado por 221 moradores, pedindo a obra. Logo depois, eu foi eleito representante do setor (conjunto de comunidades), junto ao Furban, numa eleição convocada pelo governo municipal, ocorrida no Centro Universitário de Volta Redonda (UGB), no bairro Aterrado, afirmou o líder comunitário.

De acordo com André, a revolta da comunidade é que, segundo ele, 'em nenhum momento receberam ajuda de qualquer vereador para buscara tais melhorias".

- Depois da obra pronta fica fácil fazer fotos e dizer que é mais uma ação parlamentar -, criticou André Luiz.

A reportagem do Gazeta dos Bairros esteve no gabinete do vereador Vair Duré para ouvi-lo sobre o assunto. O parlamentar explicou que tem documentos suficientes para comprovar a ação que teria resultado na obra. "Além da praça, tenho como comprovar tudo o que digo em relação às outras melhorias que chegaram nas comunidades. Sou vereador de uma cidade, representante do povo que me elegeu e também dos que não votaram em mim. Procuro sempre fazer meu trabalho de forma honesta e consciente", defendeu-se Duré, acrescentando ter direcionado obras e recursos públicos pelas emendas impositivas, para diversos bairros de Volta Redonda, e não apenas nos locais onde ele obteve votação mais expressiva nas últimas eleições.



Anúncio Geleias.jpg

Postagens Recentes

® Copyright
bottom of page