top of page

RODRIGO FURTADO QUER CÂMARA UNIDA AO MPF EM AÇÃO CONTRA A POLUIÇÃO AMBIENTAL

Comissão, presidida pelo parlamentar, poderá fornecer esclarecimentos e colaborar com informações relevantes contra a CSN e Harsco

O vereador Rodrigo Furtado (PTC) solicitou, na última sessão plenária, que a Câmara Municipal ingresse como "amicus curiae" (amigo da corte) na Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público Federal contra a CSN e a Harsco Metals. O processo visa apurar os impactos e os riscos da armazenagem irregular de pilhas de escória que chegam a alcançar 20 metros de altura, alocadas em um pátio no bairro Brasilândia.

Rodrigo explicou que na função de "amigo da corte", a Câmara poderá participar efetivamente da ação, fornecendo esclarecimentos e colaborando com informações e dados relevantes.

- A intenção é incrementar e pluralizar o debate, contribuindo diretamente na solução de problemas de repercussão e impacto social. Estamos trabalhando muito e tenho certeza que podemos ajudar nessa questão. Nossa participação será positiva - esclareceu.

Como presidente da Comissão, criada pela Câmara para apurar a questão, Rodrigo afirmou que a colaboração da população é importante e externamente salutar para a discussão do tema.

- Conto com a participação de todos, principalmente dos moradores de bairros próximos, como Volta Grande, São Luís, Caieira, entre outros. Todas as informações fornecidas ao nosso grupo de trabalho são relevantes para que possamos solucionar o problema e apresentar resultados efetivos à população - frisou.

O parlamentar ainda adiantou que protocolizará uma emenda à resolução que instalou a Comissão. O objetivo, segundo ele, é ampliar o nível de trabalho, permitindo que o grupo também apure, caso seja necessário, outros tipos de poluição gerados pela CSN e pela Harsco Metals.

- Em outras oportunidades já ressaltei a relevância da CSN para a nossa cidade. Isso é inegável e muito importante. Mas, não podemos deixar de nos preocupar em incentivar o desenvolvimento amparado na sustentabilidade e no respeito ao meio ambiente. Precisarmos nos manter atentos. É agora que vamos desenhar o futuro das próximas gerações - concluiu

Anúncio Geleias.jpg

Postagens Recentes

® Copyright
bottom of page