top of page

JORGINHO FUEDE TEM CANDIDATURA OFICIALIZADA

Evento também confirmou candidatura do ex-juiz federal Wilson Witzel, ao Governado do Estado, e do Pastor Everaldo, ao Senado; Paulo Rabello de Castro é o candidato à Presidência da República

O comerciante de Volta Redonda, Jorginho Fuede, filho do ex-vereador e advogado Fued Namem Cury (falecido em 2014), teve seu nome oficializado a deputado estadual durante convenção do PSC (Partido Social Cristão) na manhã do último sábado (21/07), realizada no Clube Monte Sinai, na Tijuca. O partido também confirmou as candidaturas do ex-juiz federal Wilson Witzel, ao Governado do Estado, e do Pastor Everaldo, ao Senado, além da lista final dos candidatos a deputado estadual e federal.

Durante o evento, Jorginho Fuede afirmou que, assim como quando foi vereador em Volta Redonda, continuará tendo um posicionamento político sempre muito independente e muito sério.

- Para mim, ser correto, transparente e independente deve ser a obrigação de todo político. Quero poder mostrar para as pessoas que acreditar vale a pena. Ainda tem gente boa e honesta no meio político e quero ser essa constatação. Quero ser a esperança das pessoas que andam desacreditadas. Eu podia ficar dentro da minha empresa, trabalhando, não me envolver nisso, mas só ia me restar reclamar. Eu preciso dar o meu nome à prova, em teste, para as pessoas terem a opção de votar em mim e ver que vou fazer diferente. Que eu tenho capacidade de fazer diferente - afirmou.

Também no sábado o ex-juiz federal Wilson Witzel teve a sua candidatura ao Governo do Estado homologada pelo Partido Social Cristão. Em discurso na convenção do diretório estadual da legenda, que teve a presença de aproximadamente 1,5 mil pessoas, ele falou sobre suas motivações para se candidatar a governador.

- No meu coração, a Justiça sempre foi um objetivo. Renunciei à magistratura, mas não ao meu dever de cidadão. Quero ajudar o Rio de Janeiro e devolver a esperança às famílias do nosso estado - disse.

A prioridade de Wilson Witzel é a luta contra a corrupção e contra a violência. “A reconstrução de um novo tempo para o Rio começa pelo combate à corrupção e pela reformulação completa da segurança pública. A minha experiência como juiz criminal me qualifica para liderar esse processo. Nós vamos implementar a Lava Jato da Segurança, uma força tarefa de investigação com a Polícia Federal, o Judiciário, a Defensoria Pública e outras instituições. Só assim será possível ter resultados efetivos contra o crime organizado e devolver a paz à população”, falou.

A convenção homologou também a candidatura ao Senado do presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo Pereira, que ressaltou a coragem e o preparo de Witzel.

- Ele teve a coragem de renunciar à magistratura, deixar de ser juiz, quando poderia ter ficado no seu conforto. Precisamos de alguém com preparo para enfrentar esse momento, alguém que tenha compromisso com o futuro do Rio de Janeiro. A partir de 2019, o nosso estado não estará mais nas páginas policiais. Estará nas páginas de prosperidade e progresso - discursou.

Durante o evento, o partido homologou os nomes de 105 candidatos a deputado estadual e de 60 que concorrerão à Câmara Federal. A convenção contou ainda com a presença do economista Paulo Rabello de Castro, que foi confirmado como o candidato do PSC à Presidência da República na convenção nacional da sigla, realizada na sexta-feira (20), em Brasília.

Anúncio Geleias.jpg

Postagens Recentes

® Copyright
bottom of page